Plano Nacional de Saúde 2011-2016 debatido em Évora

21/07/2010 at 3:23 pm Deixe um comentário

Sexta, 16 Julho 2010 10:59

“Maximizar os ganhos em saúde da população através do alinhamento e integração de esforços sustentados de todos os sectores da sociedade” é a visão que está subjacente ao Plano Nacional de Saúde (PNS) 2011-2016.

Esta foi uma das principais temáticas debatidas quarta-feira em Évora, no Fórum Regional de Saúde do Alentejo, realizado no Évora Hotel.

De acordo com a presidente da Administração Regional de Saúde do Alentejo (ARSA), “estes fóruns foram feitos nas cinco regiões do país no âmbito da discussão mais regional da metodologia que está a ser utilizada e da participação dos cidadãos, não só das pessoas que trabalham na saúde”.

Rosa Matos adiantou que se pretende que “este novo PNS seja extremamente participado e que haja uma integração não só ao nível dos cuidados de saúde, mas também da sociedade civil, desde a educação ao ambiente, passando pela agricultura. Um plano que inclua medidas e estratégias que possam ser implementadas não só pela saúde, como pelos outros sectores”, reforçou.

Na sua opinião, “o envolvimento de todos é muito importante, pois a saúde depende de todos e depende essencialmente de cada cidadão que deve ser responsável em primeira mão pela sua saúde e pelo seu bem-estar”.

Este fórum contou com a participação de profissionais de vários sectores, em especial da área da saúde, como médicos, enfermeiros e administrativos. A Alta Comissária da Saúde, Maria do Céu Machado, também marcou presença nesta iniciativa, onde explicou o que se pretendia com estes fóruns regionais.

Segundo Rosa Matos, “cada região organizou o seu fórum de acordo com os temas que achava mais importantes”, salientando que “no primeiro painel falámos da demografia e do acesso à saúde, no qual pretendemos dar uma visão do retrato da população do Alentejo, no passado, presente e futuro. Falámos também da constituição das famílias e daquilo que mudou ao longo dos anos, além abordarmos a integração de cuidados”.

A presidente da ARSA acrescentou que “na parte da tarde, falámos do planeamento estratégico em cuidados de saúde, desde os hospitalares, aos primários e aos continuados.

Terminámos com a articulação entre o planeamento regional / local e o PNS”, esclarecendo que “não se pretende que o PNS seja um documento teórico, mas um documento que no terreno os próprios profissionais utilizem como o seu guia”.

Acrescentou ainda que “são as linhas orientadoras para 2011-2016, onde constam as nossas necessidades, as necessidades da nossa população e a estratégia para responder a essas necessidades. Embora depois em termos organizacionais possam existir diferenças entre regiões e até a nível local”, evocando Rosa Matos “a importância do primeiro painel para mostrar que no Alentejo temos uma população dispersa e envelhecida e que os cenários, infelizmente, não são muito diferentes daqui a dez ou 15 anos”.

Fonte: Diário do Sul

Entry filed under: Évora, Noticias Locais, Serviços de saúde. Tags: .

XVIII Conferência Internacional sobre Sida – Coordenador para VIH/sida admite que ainda há discriminação nos centros de saúde Centros de aconselhamento fizeram 24 mil testes rápidos de sida em 2009

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


NOVO! Projeto Criar Mundos de Igualdade Agir e Convergir para Mudar

Fotos do Projecto Saúde da Mulher - Construir a Igualdade

Mais fotos

Objectivos do Projecto

Informar e sensibilizar a opinião pública, junto de organizações de mulheres, orgãos de comunicação social e demais entidades da sociedade civil, sobre aspectos da saúde da mulher.

Divulgação de informações sobre aspectos de saúde sexual e reprodutiva da mulher.

Promoção de uma sexualidade saudável e responsável.

Promover os direitos da mulher grávida (maternidade e paternidade).

Combater a violência sexual baseada em questões de género.

Promoção de cuidados perinatais.

Promoção da educação sexual.

MDM Évora

Exposições do Movimento Democrático de Mulheres disponíveis para empréstimo

https://mdmevora.files.wordpress.com/2012/11/exposic3a7c3b5es-do-movimento-democrc3a1tico-de-mulheres-disponc3adveis-para-emprc3a9stimos.pdf

Mapa de Évora – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Arraiolos – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Montemor-o-Novo – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Número Verde

Linha SOS IMIGRANTE

DVD – “De mãos dadas com o medo”

 Filme que aborda questões relacionadas com a violência no namoro e que foi realizado no âmbito do projecto “Participar, Partilhar a Igualdade”, que  foi premiado, em 2007, no âmbito do Ano Europeu da Igualdade, como o melhor trabalho nesta área realizado no Distrito de Aveiro

Linha Cancro

Sexualidade em Linha

Rastreio do cancro do colo do útero no Alentejo

Linha Sida

São objectivos gerais da Coordenação Nacional da Infecção VIH/SIDA:

Saúde 24

A Linha Saúde 24 é uma iniciativa do Ministério da Saúde que visa responder às necessidades manifestadas pelos cidadãos em matéria de saúde, contribuindo para ampliar e melhorar a acessibilidade aos serviços e racionalizar a utilização dos recursos existentes através do encaminhamento dos Utentes para as instituições integradas no Serviço Nacional de Saúde mais adequadas.

Financiamento

Saúde da Mulher – Mês a Mês

Julho 2010
M T W T F S S
« Jun   Ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 8 outros seguidores

Facebook do Projecto Saúde da Mulher -Construir a Igualdade


%d bloggers like this: