Centro de Atendimento à Vítima de Loures sinalizou 50 casos de violência doméstica em três meses

06/08/2010 at 5:07 pm Deixe um comentário

Click here to find out more!
Click here to find out more!
Click here to find out more!
Click here to find out more!

Abriu portas em Abril

05.08.2010 – 16:22 Por Lusa

Sedeado na freguesia de Sacavém, o centro, designado por Espaço Vida, tem como função prestar apoio psicológico, jurídico e social às vítimas de violência doméstica residentes no concelho. O espaço, inaugurado em Abril, já recebeu até ao momento meia centena de denúncias de violência doméstica, quase todas elas feitas por mulheres.

A vereadora da Acção Social da Câmara de Loures, Sónia Paixão, explicou que “o equipamento, de iniciativa municipal, surgiu como necessidade de resposta ao crescimento de casos registados de violência doméstica no concelho”. “Felizmente as vítimas têm cada vez mais consciência de que é possível inverter o ciclo de violência e que podem e devem denunciar os agressores”, apontou a autarca.

Segundo a responsável municipal, Camarate (seis), Santo António dos Cavaleiros (seis) e Moscavide (cinco), são as freguesias do concelho de Loures onde foram sinalizados pelo Espaço Vida mais casos de violência doméstica.

A autarca salientou ainda que o Centro está a acompanhar neste momento 36 processos, movidos maioritariamente por mulheres, que se encontravam dependentes dos maridos. “Nestes três meses de funcionamento o balanço que podemos fazer da actividade do Espaço Vida é positivo. No entanto, a nossa ideia é criar, até ao final do ano, uma rede de atendimento às vítimas que seja capaz de diagnosticar mais cedo estes casos”, adiantou.

Maria, 39 anos, residente no Prior Velho, foi o primeiro caso sinalizado pelo Espaço Vida, onde se desloca todas as semanas para conversar com as técnicas. “É diferente sabermos que temos um espaço recatado e alguém com quem desabafar. Houve alturas em fui perseguida pelo meu marido e se não fosse o apoio deste centro acho que não conseguiria chegar tão longe”, afiançou.

Também Joana, 35 anos, residente em Santo António dos Cavaleiros, encontrou o apoio que precisava no Centro de Apoio à Vítima de Loures, após ter sido para ali encaminhada pela PSP. “Vivi momentos muito difíceis. O meu companheiro era muito violento e sofri muitas agressões físicas e psicológicas, algumas vezes na presença dos meus filhos. As técnicas do centro foram as minhas confidentes pois tive vergonha de envolver a minha família”, contou.

Recentemente, a secretária de Estado para a Igualdade, Elza Pais, revelou que em média o número de queixas tem aumentado, em média, 11,3 por cento por ano desde 2000. Por seu turno a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa afirmou que “a violência doméstica tem uma expressão quantitativa muito significativa”, tendo dado origem a 4546 novos inquéritos no primeiro semestre do ano.

De acordo com os últimos dados, apenas nove das 50 pulseiras electrónicas compradas em Dezembro último pelo Ministério da Justiça para os distritos de Coimbra e Porto para agressores de violência doméstica estão a ser utilizadas.

Fonte: Público

Entry filed under: Noticias Nacionais, Violência Doméstica. Tags: .

Investigadora portuguesa congratula-se com descoberta de proteína que pode travar o cancro da mama Mulher morta com sete facadas por companheiro já condenado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


NOVO! Projeto Criar Mundos de Igualdade Agir e Convergir para Mudar

Fotos do Projecto Saúde da Mulher - Construir a Igualdade

Mais fotos

Objectivos do Projecto

Informar e sensibilizar a opinião pública, junto de organizações de mulheres, orgãos de comunicação social e demais entidades da sociedade civil, sobre aspectos da saúde da mulher.

Divulgação de informações sobre aspectos de saúde sexual e reprodutiva da mulher.

Promoção de uma sexualidade saudável e responsável.

Promover os direitos da mulher grávida (maternidade e paternidade).

Combater a violência sexual baseada em questões de género.

Promoção de cuidados perinatais.

Promoção da educação sexual.

MDM Évora

Exposições do Movimento Democrático de Mulheres disponíveis para empréstimo

https://mdmevora.files.wordpress.com/2012/11/exposic3a7c3b5es-do-movimento-democrc3a1tico-de-mulheres-disponc3adveis-para-emprc3a9stimos.pdf

Mapa de Évora – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Arraiolos – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Montemor-o-Novo – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Número Verde

Linha SOS IMIGRANTE

DVD – “De mãos dadas com o medo”

 Filme que aborda questões relacionadas com a violência no namoro e que foi realizado no âmbito do projecto “Participar, Partilhar a Igualdade”, que  foi premiado, em 2007, no âmbito do Ano Europeu da Igualdade, como o melhor trabalho nesta área realizado no Distrito de Aveiro

Linha Cancro

Sexualidade em Linha

Rastreio do cancro do colo do útero no Alentejo

Linha Sida

São objectivos gerais da Coordenação Nacional da Infecção VIH/SIDA:

Saúde 24

A Linha Saúde 24 é uma iniciativa do Ministério da Saúde que visa responder às necessidades manifestadas pelos cidadãos em matéria de saúde, contribuindo para ampliar e melhorar a acessibilidade aos serviços e racionalizar a utilização dos recursos existentes através do encaminhamento dos Utentes para as instituições integradas no Serviço Nacional de Saúde mais adequadas.

Financiamento

Saúde da Mulher – Mês a Mês

Agosto 2010
M T W T F S S
« Jul   Set »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 8 outros seguidores

Facebook do Projecto Saúde da Mulher -Construir a Igualdade


%d bloggers like this: