Hospitais acusados de cortar nas ambulâncias

02/10/2010 at 8:11 am Deixe um comentário

DENÚNCIA
por AMADEU ARAÚJO, Viseu, com ANA MAIA

Hospitais acusados de cortar nas ambulâncias

A contenção de custos nos hospitais está a reduzir o número de doentes transportados nas ambulâncias dos bombeiros. A Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) avisa que “há doentes a serem transportados de forma violenta”, mas nos hospitais já há avisos para cortar nas ambulâncias dos bombeiros. Noutras unidades do Ministério da Saúde (MS), o acordo assinado com a LBP não é cumprido.

“Há situações de doentes transportados, de forma violenta, para hemodiálise que vão em sofrimento até ao tratamento”, denuncia o vice-presidente da LBP, Paulo Hortênsio. Esta é uma das “faces visíveis das restrições orçamentais a que o MS não foi alheio”, acusa . O dirigente lembra que “há um aumento substancial do volume de queixas das associações de bombeiros sobre quebras no transporte de ambulância”. Hortênsio assume nada ter “contra doentes transportados em táxis”, mas avisa que “o doente é quem sofre”.

No Hospital Amadora-Sintra, por exemplo, o acordo entre a LBP e o MS não está a ser cumprido. Num folheto enviado aos utentes e às corporações de bombeiros de Sintra e Amadora, o hospital assegura que apenas paga “os pedidos de transporte validados pelo INEM”. A administração alerta que “os transportes” de ambulância para o hospital, a pedido directo do utente, serão da sua inteira responsabilidade.

Até finais de Agosto os bombeiros faziam emergência pré-hospitalar e se o médico de serviço justificasse o transporte, o hospital pagava a factura tal como consta de um acordo assinado com a LBP, em que ficou estabelecido que “se a situação for considerada emergente ou urgente a responsabilidade do pagamento recai sobre a entidade receptora”. Mas, na prática, nos casos em que o INEM não considerava a situação urgente, encaminhava o doente para os bombeiros que faziam o transporte a expensas do hospital.

Ao DN, o hospital Amadora- -Sintra explicou que “desconhecia o acordo assinado entre a Liga dos Bombeiros e a Direcção-Geral da Saúde. Face a isso, informámos os bombeiros que iremos cumprir escrupulosamente os termos do acordo”, disse a assessoria.

Também em Lisboa, várias empresas privadas de transporte de doentes disseram ao DN que nos últimos três meses aumentaram os pedidos de particulares. “Vamos muitas vezes ao Hospital de Santa Maria, a pedido de familiares de doentes que recebem alta. Dizem-nos que ficam muito tempo à espera da ambulância do hospital, algumas sete horas”, disse ao DN Luís Salgueiro, da Tele-Macas.

Experiência semelhante relatou Carlos Rodrigues, da Expresso Vidas. “Os doentes do Santa Maria chamam-nos porque dizem que estão quatro horas à espera de transporte, ou que têm alta de manhã e só vão para casa à noite”, contou, acrescentando: “Também há pessoas que vão ao serviço de radioterapia do IPO de Lisboa e dizem que o hospital não tem vagas para transporte.”

Correia da Cunha, director do Santa Maria, disse ao DN desconhecer o problema, embora admita que possam “existir situações de excepção”. “Temos frota própria e quando a nossa capacidade está preenchida recorremos ao serviço dos bombeiros”, explicou.

Já o conselho de administração do IPO de Lisboa afirmou que “não se tem verificado qualquer inversão no número de requisições de transporte”, que são feitas pelos médicos, acrescentando que “foram criadas as condições que permitem dar resposta a todas as solicitações”.

Fonte: Diário de Notícias

Entry filed under: Serviços de saúde. Tags: .

Encontro Nacional de Senologia – “Cancro da Mama – As Idades Extremas”,20 de Novembro de 2010 Dia 7 de Novembro – Corrida Sempre Mulher

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


NOVO! Projeto Criar Mundos de Igualdade Agir e Convergir para Mudar

Fotos do Projecto Saúde da Mulher - Construir a Igualdade

Mais fotos

Objectivos do Projecto

Informar e sensibilizar a opinião pública, junto de organizações de mulheres, orgãos de comunicação social e demais entidades da sociedade civil, sobre aspectos da saúde da mulher.

Divulgação de informações sobre aspectos de saúde sexual e reprodutiva da mulher.

Promoção de uma sexualidade saudável e responsável.

Promover os direitos da mulher grávida (maternidade e paternidade).

Combater a violência sexual baseada em questões de género.

Promoção de cuidados perinatais.

Promoção da educação sexual.

MDM Évora

Exposições do Movimento Democrático de Mulheres disponíveis para empréstimo

https://mdmevora.files.wordpress.com/2012/11/exposic3a7c3b5es-do-movimento-democrc3a1tico-de-mulheres-disponc3adveis-para-emprc3a9stimos.pdf

Mapa de Évora – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Arraiolos – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Mapa de Montemor-o-Novo – Apoio a vítimas de Violência Doméstica e locais onde apresentar queixa

Número Verde

Linha SOS IMIGRANTE

DVD – “De mãos dadas com o medo”

 Filme que aborda questões relacionadas com a violência no namoro e que foi realizado no âmbito do projecto “Participar, Partilhar a Igualdade”, que  foi premiado, em 2007, no âmbito do Ano Europeu da Igualdade, como o melhor trabalho nesta área realizado no Distrito de Aveiro

Linha Cancro

Sexualidade em Linha

Rastreio do cancro do colo do útero no Alentejo

Linha Sida

São objectivos gerais da Coordenação Nacional da Infecção VIH/SIDA:

Saúde 24

A Linha Saúde 24 é uma iniciativa do Ministério da Saúde que visa responder às necessidades manifestadas pelos cidadãos em matéria de saúde, contribuindo para ampliar e melhorar a acessibilidade aos serviços e racionalizar a utilização dos recursos existentes através do encaminhamento dos Utentes para as instituições integradas no Serviço Nacional de Saúde mais adequadas.

Financiamento

Saúde da Mulher – Mês a Mês

Outubro 2010
M T W T F S S
« Set   Nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 8 outros seguidores

Facebook do Projecto Saúde da Mulher -Construir a Igualdade


%d bloggers like this: